VOLTAR

SENSOS

SENSOS®

A utilização de técnicas de estimulo a cultura da qualidade, desenvolvida pelas Empresas Japonesas na década de 70 e mundialmente difundida no ocidente nos anos 80 e 90, provocaram diversas melhorias no âmbito empresarial, sendo estendida a todos os setores da sociedade.
Uma técnica desenvolvida pôr Kaoru Ishikawa em 1950 no Japão denominada 5S constitui o primeiro passo de organização das empresas, inspirado na necessidade que havia de colocar ordem na grande confusão a que ficou reduzido o país após a derrota na Segunda Guerra Mundial. O método demonstrou ser tão eficaz enquanto reorganizador das empresas e da própria economia japonesa que, até hoje, é considerado o principal instrumento de gestão da qualidade e produtividade utilizado naquele país.
O 5S é uma proposta de reeducação, de recuperação de práticas e valores, que muitas vezes são esquecidos ao longo do tempo. Questiona a nossa situação enquanto cidadãos e membros ativos de uma sociedade organizada e democrática, onde cada indivíduo tem direitos e obrigações e deve esforçar-se para cumpri-las.
Nós temos que implantá-lo na empresa e fora dela, buscando a melhoria de nosso ambiente de trabalho e objetivando melhorar a vida de toda a comunidade.
Parece um programa preocupado com a economia de alguns centavos de reais, mas na verdade é um treinamento que, posto em prática, vai educando nossos colaboradores a cada passo da implantação, e gerando no final, um grande ganho para todos nós.
Nenhum programa de melhoria da qualidade pode prescindir da efetiva participação da alta administração aliada ao engajamento dos recursos humanos, que com treinamento e educação, dá condições para melhorias que acarretam combate aos desperdícios. Objetivando complementar os 5S, foram então propostos três novos Sensos:
Senso de Determinação e União
Senso de Treinamento
Senso de Economia e Combate ao Desperdício.
Outro enfoque encontrado, de grande importância, esta relacionado com a ética e moral do mundo dos negócios:
Senso da Moral e da Ética

Nos últimos tempos as organizações tem voltado sua atenção para os aspectos relacionados à sua responsabilidade social, perante as comunidades onde atuam.
Dessa maneira verificamos que podíamos completar a idéia geral, acrescentando o décimo S:
Senso de Responsabilidade Social
Conseguimos então produzir uma relação de 10 pontos que reputamos de grande importância para a gestão das organizações. Buscamos ajuda junto a alguns interpretes da língua japonesa para localizarmos uma expressão que representasse este ultimo senso, e após diversas pesquisas pudemos completar o nosso SENSOS, que representa o ultimo estagio no conjunto dos sensos já disponíveis.
Convidamos você e sua organização para ajudar na complementação deste programa, sugerindo o acréscimo de um novo senso, que pode vir inclusive do seu sistema de crenças e valores. Mas lembre-se de providenciar uma palavra em japonês que se inicie por S, para representa-lo naquela língua.
Estamos em condições de assessora-lo na implantação do 5S tradicional (Japonês) e até mesmo nos 10S propostos (Brasileiros).

SENSOS
1º. SEIRI - Senso de Utilização
2º SEITON - Senso de Ordenação
3º SEISO - Senso de Limpeza
4º SEIKETSU - Senso de Saúde
5º SHITSUKE - Senso de Autodisciplina
6º SHIKARI YARO - Senso de Determinação e União
7º SHIDO - Senso de Treinamento
8º SETSUYAKU - Senso de Economia e Combate ao Desperdício
9º SHISEI RINRI - Princípios Morais e Éticos
10º SEKININ SHAKAI - Responsabilidade Social

................................................................................................................................................................................